20 de abril de 2011

Resenha: Julieta

É sempre bom falar sobre o que gostamos, mas parece que falar de um livro que adoramos requer um esforço maior (risos). Viram? Fiquei até poética!


Título: Julieta
Autor: Anne Fortier
Editora: Sextante - Ficção
Número de páginas: 448
Ano: 2010
Contra-capa: Julie Jacobs e sua irmã gêmea, Janice, nasceram em Siena, na Itália, mas desde os 3 anos foram criadas nos Estados Unidos por sua tia-avó Rose, que as adotou depois de seus pais morrerem num acidente de carro.

Passados mais de 20 anos, a morte de Rose transforma completamente a vida de Julie. Enquanto sua irmã herda a casa da tia, para ela restam apenas uma carta e uma revelação surpreendente: seu verdadeiro nome é Giulietta Tolomei.


A carta diz que sua mãe havia descoberto um tesouro familiar, muito antigo e misterioso. Mesmo acreditando que sua busca será infrutífera, Julie parte para Siena.

Seus temores se confirmam ao ver que tudo o que sua mãe deixou foram papéis velhos – um caderno com diversos esboços de uma única escultura, uma antiga edição de Romeu e Julieta e o velho diário de um famoso pintor italiano, Maestro Ambrogio. Mas logo ela descobre que a caça ao tesouro está apenas começando.

O diário conta uma história trágica: há mais de 600 anos, dois jovens amantes, Giulietta Tolomei e Romeo Marescotti, morreram vítimas do ódio irreconciliável entre os Tolomei e os Salimbeni. Desde então, uma terrível maldição persegue essas duas famílias.

E, levando-se em conta a linhagem e o nome de batismo de Julie, ela provavelmente é a próxima vítima. Tentando quebrar a maldição, ela começa a explorar a cidade e a se relacionar com os sienenses. À medida que se aproxima da verdade, sua vida corre cada vez mais perigo.

Instigante, repleto de romance, suspense e reviravoltas, Julieta – livro de estreia de Anne Fortier – nos leva a uma deliciosa viagem a duas Sienas: a de 1340 e a de hoje. É a história de uma lenda de mais de 600 anos que atravessou os séculos e foi imortalizada por Shakespeare. Mas é também a história de uma mulher moderna, que descobre suas origens, sua identidade e um sentimento devastador e completamente novo para ela: o amor.

Depois de muitas páginas de amor, tragédia, aventura, mistérios, intrigas, contradas, piazzas, e ruas históricas de Siena, o que muito me fascina e que me atraiu assim que puis os olhos na capa belíssima, fico sem saber até por onde começar essa resenha.
Duas famílias, uma antiga maldição,
um amor quase impossível...

Julie Jacobs vai a Siena – verdadeiro local onde se desenrolou a trágica história de Romeu e Julieta – após ler uma carta deixada por sua tia Rose, que acaba de falecer, dizendo que ela é na verdade Giulietta Tolomei e que ela deve ir a Siena, onde irá encontrar um valioso tesouro antigo da família.

Ao chegar a Siena, Julie conhece Eva Maria e Alessandro Salimbeni, e faz amizade principalmente com a senhora distinta que se dispõe a ajudá-la no que precisar. Logo ela descobre que numa cidade pequena, a sua origem e seu sobrenome são tão importantes hoje quanto eram antigamente.

Os Tolomei foram uma das famosas e influentes famílias de Siena assim como os Salimbeni ,e sempre existiu uma rivalidade entre elas. Giulietta pertenceu à família Tolomei, no entanto Romeo fazia parte de uma terceira família, os Marescotti.

É claro que Julie não acredita que essa rivalidade pode continuar existindo até quando começa a ser seguida.

Em seu excelente romance de estreia, Anne Fortier navega por entre pistas falsas e reviravoltas, e o resultado é uma história de amor que poderíamos chamar de O Código da Vinci para mulheres inteligentes e modernas.
~ Publisher's Weekly.


Não preciso dizer – de novo – que amei o livro não é? Lista de favoritos now! Como Julie é a Giulietta de hoje, logo começamos a esperar ansiosamente pelo Romeo atual – e dá-se início às teorias.

Não sou uma especialista em romances históricos, muito menos na obra de Shakespeare, mas a narrativa da autora me conquistou logo nas primeiras páginas por ser simples e fácil de entender – o que difere da maioria dos romances desse gênero – e, mesmo assim, não perde o tom característico dos diálogos históricos.

A narrativa de Julie se completa com a do diário de Maestro Ambrogio onde descobrimos os acontecimentos de 1340 – e como tudo começou. Todos os mistérios, e o destino de um amor não permitido – mesmo sabendo do final trágico -, não te deixa parar de ler! E confesso que várias vezes diminui o ritmo para ler mais devagar e não terminar muito cedo a leitura.

E ao final do livro a respostas para as minhas perguntas: O que é real e o que foi criado por Anne? Foi feito um grande trabalho de pesquisa antes de o livro ser escrito, o que me deixou ainda mais encantada com tudo. É claro que a autora faz algumas menções sobre fatos inventados por ela e agradecimentos para os que a ajudaram em suas investigações.

Antes de fazer essa resenha, procurando sobre a autora, achei algumas fotos dos locais citados em Julieta no site oficial do livro, - são como as descrições de Julie *_*. Você pode vê-las aqui. Há também um mapa de Siena e uma linha do tempo superlegais.

Infelizmente Anne Fortier não escreveu mais nenhum livro, mas, pensando pelo lado que Julieta foi lançado ano passado, fico na expectativa de que ela esteja fazendo novas pesquisas para um próximo livro, que irei comprar sem pensar duas vezes! (risos)


Quem tiver lido Julieta e souber de algum livro tão bom quanto, por favor deixe nos comentários também. :D

Compartilhe

  • Delicious

15 comentários:

  1. Bom, já li um Julieta de Shakespere 'resumido', mas como é muito 'clássico', nao achei graça na história, prefiro livros que eu não sei detalhes sobre a história e livros em que o autor viaje na criatividade. Então acho q esse livro deve ser ótimo mesmo, pois não fica aquela coisa'já sei o final' e a autora cria coisas interessantes.
    P.S: Carol, vc já leu ou vai ler Perfeitos(vi que vc adorou Feios)?
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Nossa, parece ser incrível. Tipo, Romeu e Julieta de Shakespeare nunca cheguei a ler, mas acredito que iria gostar.
    Adorei a resenha e achei muito interessante, e com certeza deve nos fazer agarrar o livro e não querer soltar mais até terminar a leitura rsrs.

    bjs.

    ResponderExcluir
  3. Oi Carol! Adorei a resenha. Nunca havia realmente me interessado pelo livro, porque não encontrei muitas resenhas sobre ele na blogosfera, mas você despertou a vontade de tê-lo. Beijocas :*

    http://myevery-thing.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Bruna Pedroso20/04/2011 21:45

    Ah, me convenceu a querer o livro! hsauhsuahs'
    Ótima resenha :]

    ResponderExcluir
  5. Já li esse livro! É ótimo :)

    ResponderExcluir
  6. Oi, Carol!

    Eu sou LOUCO pra ler esse livro! De inicio não fiquei interessado, mas depois de muitas resenhas positivas, fiquei com uma vontade MONSTRA de ler ele! E sua resenha só fez aumentar a minha vontade! *-*

    Beijão, flor! *-*

    Mateus Bandeira
    "Our Vices!"

    ResponderExcluir
  7. Já li esse livro e amei, está na minha lista de favoritos, com toda certeza recomendo!

    ResponderExcluir
  8. Bem, sobre Romeu e Julieta eu sou suspeita para falar, pois amo Shakespeare. Na verdade eu ainda não tinha nem parado para ler uma resenha desse livro, pq não sabia do que se tratava. Achava que o nome Julieta não tivesse ligação com a obra de W.S.

    Pela resenha, acho que vou adorar e já quero colocar na lista de desejados \o/

    Bjs,
    Kel - It Cultura
    www.itcultura.com

    ResponderExcluir
  9. Adoro esse tipo de livro que mistura realidade com ficção!!!
    Esse livro já está na minha lista de desejados há muito tempo!!
    Beijos
    Camila

    ResponderExcluir
  10. Bá, gostei da resenha, agora quero ler esse livro!!
    Capas lindas!

    Bjus
    Gisele

    ResponderExcluir
  11. O nome do livro e a capa me faziam acreditar que era uma história totalmente diferente do que realmente é.
    Mas pelo que tenho visto nas resenhas e agora que já sei do que se trata, parece ser interessante

    Thiago
    http://outroconceito.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Quando soube do livro achei que seria mais uma adapção de romeu e julieta mas pela sua resenha vi que o livro é muito bom e vale muito apena ser lido

    @AngelKiller_

    ResponderExcluir
  13. normalmente fico com um pé atrás quanto a esses livros que fazem adaptações dos clássicos, mas esse parece ser bem interessante.
    anotei a indicaçao aqui =)

    ResponderExcluir
  14. Adorei seu blog e adorei esse livro...Julieta.
    Sou apaixonada por shakespeare e esse livro conseguiu me encantar...mesmo não sendo a leitura que todos nos ja conhecemos.
    Outra coisa, embora eu ache mais gostoso ler do que ver nas telas...esse livro em breve estara nos cimenas...estou bem curiosa pra ver...bjs

    ResponderExcluir
  15. Obrigada :)
    O livro é ótimo mesmo. Sobre a adaptação para os cinemas, eu tenho medo viu!? kkkkk Está uma onda de estragarem os livros nos filmes kkk
    bjs

    ResponderExcluir

Olá leitor! Quero muito saber o que você do post!

-> Deixe nos comentários suas impressões, opiniões e expectativas. Só não vale contar algum spoiler sobre o livro, rs. Se quiser falar comigo e não quiser usar os comentários, você pode escrever para mim por meio do formulário de contato, clicando aqui.

Obrigada pela visita! :D


Blogger Template by Clairvo