5 de fevereiro de 2012

Os personagens mais azarados da literatura - acredite, eles fazem seu azar parecer sorte!

Você respeita as superstições, tenta com todas as suas forças não fazer nada digno de azar, mas não adianta, nada consegue detê-lo, esse serzinho dos infernos te persegue, está sempre mostrando que está ali, contigo pronto pra te trazer dor de cabeça, o azar! E Open está aqui justamente para falar disso e pra levantar seu astral! Nesse domingão vamos te apresentar os maiores azarados da literatura, que vão fazer você se achar a pessoa mais abençoada da galáxia! Vocês podem estar pensando: Mas que ideia maluquete da Silva, falar de azar, num dia que nem é sexta feira 13, e eu sou besta que falar disso no dia mais azarado de todos? Atá! Como já te disse, vamos te fazer chorar de gratidão por esse azarzinho que você vive, porque perto do que esses personagens, teu azar é sorte!

As infelizes mocinhas de Meg Cabot

Vamos combinar, o que tia Meg capricha em seus mocinhos, ela não faz por suas mocinhas! São azarentas que doe! Daqui a pouco, do jeito que vai, estou vendo as protagonistas Meggianas fazendo protesto, montando um sindicato pelo direito de não serem tão azarentas e não pagarem mico 99% do tempo! É, você pensa que vida de protagonista da Meg é fácil? Pergunta pra alguma delas se é! ( Mamão com açucar só a vida da Mia! ) Em Sorte ou Azar, o apelido da menina é Jinx, que significa, má sorte, e por onde ela vai só dá coisa ruim pra cima dela! Ela tentou se mudar e deixar essa sorte pra trás, mas adivinha se adiantou, a coitada já nasceu no azar, mal viu o mundo e o hospital foi atingido por um raio! Falando nisso, dona Meg não se contentou com um raio só, mandou outro na cuca da Jesssica de Quando cai o raio ( ôh criatividade.) Analisem o tamanho da sorte desse ser humano, caiu um raio nela, por outro lado ganhou super poderes! E ainda tem o caso Emerson Watts de Cabeça de Vento, que levou uma tv na cachola, desmaiou e acordou no corpo de uma modelo, detalhe, seu corpo "antigo" nem existe mais, está morto e enterrado e ela tem de viver a vida da outra, Nikki. Meg Cabot, faz o favor, um pouco de amor por suas personagens femininas não vai te trazer sete anos de azar! Seja mais bondosa e menos bruxa má! Jinx, Jessica e Emerson agradecem!

Os coitados dos personagens de distopias

Para e pensa, que azar: viver num futuro detonado, onde tudo está um caos, e ainda tem de aturar um governo mandando na sua vida, dizendo o que é certo, o que é errado, e a única coisa que você pode fazer é aceitar, senão, sua cabeça rola. Triste realidade essa dos personagens dos distópicos. Mais que azar, isso é uma infelicidade das grandes, não ter liberdade, não ter voz nem vez. Prefiro mil vezes viver hoje, agora, mesmo com todos os problemas do ter que enfrentar o mundo no futuro, que pode apostar, será uma catástrofe assim como nas distopias! Deixo para Katniss, Peeta (Jogos Vorazes) Tally ( Feios) Cassia ( Destino) todo o azar de ter nascido nesse época! Sou bem mais esses reality shows bocós de hoje, do que ser obrigada a participar de um Jogos Vorazes e morrer lá, assassinada e ainda ter todo o país assistindo minha morte! Cruz credo! Se você acha que esse mundo não tem jeito leia um distópico e veja o quanto você é sortudo por viver no agora, hoje, o futuro pode ser bem pior!

Nosso amado, senhor Harry Potter

E que bruxo, que trouxa nunca quis ter a fama de Harry Potter? Ser amado, admirado como ele? Todo mundo já quis ser Harry, tirando a parte de ser perseguido pelo cara mais perigoso que já pisou em Hogwarts, Você sabe quem,Voldemort. É legal ser Harry Potter, o famosão, quero ver é quem quer a parte não glamourosa de ser a lenda, quem se oferece para lutar nos inúmeros confrontos por ele, quem quer se arriscar nas mais loucas aventuras em seu lugar. Quem? Quem? Quem? Ninguém! O bruxinho é mega azarado! E sortudo também né? Afinal, lutou contra o bicho mal e venceu, quando ainda era bebê, e continuou vencendo ano após, ano. Mas alô. Prefiro minha vidinha parada, normal do que a loucura que é ser Harry Potter, Ave Maria não dá pra respirar tranquila nem um segundo que a coisa logo fica preta! Azar, azar, azar, azar!


Sam, a menina que morreu uma vez, outra e mais outra...

Um belo dia você sai com suas amigas para curtir o fim de semana e sofre um acidente de carro. Você morre mas no outro dia você acorda viva, e revive o dia de sua morte como se nada tivesse acontecido, o ontem, que é o hoje? As pessoas ao seu redor, não desconfiam de nada, a noite chega e com ela sua morte, sim, você morre novamente, e no outro dia a mesma coisa se repete... e no outro dia, de novo e de novo... Você Aguentaria? Esse é o tormento que a Sam de Antes que eu vá tem de passar, dia a após dia, com o coração cheio de incertezas. Será que estou mesmo morta? Estou em coma? Isso é um sonho? O que aconteceu!? É muita agonia, azar pra uma pessoa só. Ainda bem que aparentemente essa estória é só ficção porque já imaginou? Viver um trauma sem fim? O inferno em vida?


Órfãos Baudalaire: estudos comprovaram, os maiores azarados do universo.

Os irmãos Violet, Klaus e Sunny Baudalaire de Desventuras em série são tão encantadores e inteligente quanto azarados! Perderam os pais num incêndio, e desde então são perseguidos por Conde Olaf por onde quer que eles vão. Baudalaire foram para o Polo Nórte? Pra casa da mãe Joana? Marte? Nárnia? Onde Judas perdeu as botas? Pro fim do mundo? Panem? Pode saber que Conde Olaf está lá, disfarçado a espera da oportunidade perfeita para por as mãos nos órfãos e em sua fortuna. Os pobres são Harry Potters trouxas, não tem descanso, 11 em cada 10 dias de suas vidas eles passam fugindo, e quando pensam que enfim aquele psicopata desocupado foi vencido, ele escapa ressurge das cinzas e o ciclo continua, infinito! O ministério do Open Page investigou e comprovou, os irmãos Bauladaire possuem não só as vidas mais desgraçadas como detém de 90% do azar mundial! Porque ser jogado num lago cheio de sanguessugas, quase serem devorados por uma cobra, fugir de um maníaco incontáveis vezes dentre outras coisas durante 13 livros passa do limite da má sorte!


Personagens de Os miseráveis, nunca um título foi tão adequado á uma estória

Já ouviu falar em Os miseráveis de Victor Hugo? Uma das mais importante obra sobre revolução francesa, que inspirou o famoso musical de mesmo nome. Se você já leu deve saber, os personagens levam vidas muitos infelizes e azarentas! Fantine, é abandonada por seu grande amor, vira mãe solteira e sofre por isso, vira prostituta numa tentativa desesperada de criar sua filha, Cosette, em vão, ela deixa a menina com um povo que só sabe gastar o pouco dinheiro que a mãe envia á filha e maltratar a pequena. Já Jean Valjean, é preso por roubar um pão para alimentar a irmã e os sobrinhos, passa longos anos na cadeia por isso e depois vive com o fantasma de ser um ex-presidiário, sofre preconceito, e é perseguido anos e anos por um policial maluco. Esses são só alguns dos tormentos por qual Fantine, Jean e Cosette passam. E eles são muitos! Todos vítimas de uma socidade desigual, de um destino cruel, uma falta de sorte do tamanho da China, verdadeiramente os miseráveis!

Compartilhe

  • Delicious

Sobre a convidada:

Geovanna G.: Dona do blog Garota das Letras, estudante, é obcecada em música e livros e vintage. Sonhadora, entre seus sonhos mais íntimos está a vontade de escrever um livro e aprender a língua da cidade luz.

|Leia mais +|

8 comentários:

  1. Amei o post! Realmente, todos esses personagens são muito azarentos rs'
    Lendo esse post, tive vontade de ler alguns dos livros que você citou.

    Beijos, Mallü.
    http://thelovekingdom.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Ge! :)

    ADOREI o seu post! \o/ Quanto aos azarados da Meg eu não tenho o que comentar, porque nunca li nenhum livro dela. t__t O pessoal dos distópicos sofre mesmo, mundo fodido é pouco, rs. Mas sei lá... Será que vai ter um futuro? Será que poderia melhorar? Impossível saber, né? Só posso desejar boa sorte para as próximas gerações.(Se é que ela virão... Pq oa zumbis vão vir pra comer todo mundo! Wee! The Walking Dead feelings! hahaha :P). Pois é, coitada da Sam. "Viveu" uma doidera. Seria no mínimo perturbador passar uma coisa dessas. Desventuras em série também nunca li. :( Ah, "Os Miseráveis" é um dos meus livros favoritos! LINDA história! :') Os personagens realmente passam por poucas e boas... A vida as vezes é bem cruel com algumas pessoas, né? =| aiai.

    Bom, vou ficando por aqui. E parabéns pelo post! Ficou muito legal! ;)

    Beijos!
    Amanda||Lendo&Comentando
    ^_^

    ResponderExcluir
  3. post super engrçado do meu ponto de vista afinal n so tao azarada assim so quero uma coisa ali outra acola lkkkkkk
    :D

    ResponderExcluir
  4. Adoro seu blog, sigo muitas de suas dicas de leitura. :)
    beijos, S.

    ResponderExcluir
  5. Sensacional o Post... Sem contar a inclusão de "Os miseráveis", pois desde que li sinto tanta pena dos personagens... S~çao azarentos, mesmo!
    http://susi-blogdaleitora.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Amei o post! Ri litros! Haha.
    Concordo plenamente com tudo o que você disse! Ah, e tia Meg é sádica com seus personagens, fato!
    Mas azarados mesmo são os das distopias, coitados...
    Beijos!

    Ann;
    Vinte & Poucos

    ResponderExcluir
  7. Hahaha,
    Adorei a coluna!!
    Realmente a literatura está cheio de exemplos de azarados!!
    Para mim, não existem mais azarados do que os órfãos Baudelaire! Esses pobres coitados ganham disparado!! rs...
    beijos
    Camis
    Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  8. Adorei...........tudo a ver comigo......tb sou super azarada.......mas como a Bella de Crepusculo...........não consigo andar em uma superficie plana sem tropeçar nos meus próprios pés......parece q tudo acontece comigo, pago mico a cada hora.........acho q sou muito desastrada e azarada ao mesmo tempo...........adorei o post........bjos

    ResponderExcluir

Olá leitor! Quero muito saber o que você do post!

-> Deixe nos comentários suas impressões, opiniões e expectativas. Só não vale contar algum spoiler sobre o livro, rs. Se quiser falar comigo e não quiser usar os comentários, você pode escrever para mim por meio do formulário de contato, clicando aqui.

Obrigada pela visita! :D


Blogger Template by Clairvo