12 de fevereiro de 2013

Resenha Na Passarela - Meg Cabot

Onde se esconder quando todos sabem seu nome? Na Passarela é o terceiro volume que encerra a trilogia Cabeça de Vento da autora Meg Cabot.


Título: Na Passarela - Airhead #3 |
Autor: Meg Cabot |
Editora: Galera |
Nº de páginas: 235 |
Ano: 2012 |
Sinopse: Em Watts está fugindo; das notas da escola, dos compromissos de trabalho, das cobranças da família e dos amigos. Mas, principalmente, dela mesma.
Uma viagem inesperada com Brandon Stark — aquele que deveria ser seu namorado, agora que Em é Nikki — faz com todos fiquem furiosos, mas ela nem pode explicar seus motivos. Pensou em chantagem? Acertou.

Se ainda não leu os primeiros livros e não quiser saber nada sobre o enredo de Cabeça de Vento, pule o próximo parágrafo.

Em Watts nem poderia sonhar que sua vida poderia mudar tanto, de uma hora para outra ela teve ser cérebro transplantado para o corpo de uma modelo teen super famosa e a partir daí teve que assumir o lugar de Nikki Howard, cumprindo toda a agenda da estrela que incluía ensaios fotográficos, desfiles e festas badaladas. Sem contar que Em, agora Nikki, também ficou com tudo o que pertencia a antiga dona de seu novo corpo, inclusive o apartamento de luxo, e Cosabella, uma poodle. *__* O problema agora, é que além de ter que se preocupar com o Sr. Robert Stark, que parece ser capaz de tudo para se manter no controle, e fingir um relacionamento com Brandon Stark, Em se vê diante da antiga Nikki, que só consegue pensar em ter seu corpo de volta.

Não é segredo que Cabeça de Vento é uma das minhas séries preferidas, e que eu adoro (quase todos!) os livros da autora Meg Cabot! Na Passarela traz o estilo inconfundível de Meg, um livro juvenil, leve e principalmente divertido. O livro segue o modelo dos primeiros volumes, com capítulos curtos e a narrativa rápida.

De forma bem sutil, a autora faz uma crítica a ditadura da beleza atual, que também aparece a partir da personagem da mãe da protagonista, de uma maneira mais radical, já que ela sempre elogiou Em e Frida por sua inteligência e nunca disse que as filhas eram bonitas, temendo que elas passassem a considerar apenas sua aparência.

Por mim, Na Passarela poderia ter mais páginas se a Meg tivesse dificultado um pouco o desfecho da história porque, afinal de contas, era uma garota de 17, 18 anos lidando com um empresário dono de uma empresa multimilionária com um plano "maligno"(rs). Mas olhando por outro lado, acredito que a intenção da autora era manter a atmosfera da história mais juvenil, sem complicar muito mais a vida da protagonista.

Série recomendada!

Compartilhe

  • Delicious

8 comentários:

  1. oi querida, legal a resenha!!! beijosss!!!!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Carol!

    Acredita que nunca li nada da Meg Cabot?!!! Preciso mudar isso logo! Essa série parece ser bem legal... Já li várias resenhas positivas!

    beijos,
    Inara
    http://www.lerdormircomer.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que isso Inara kkkk Mas você nunca leu por falta de oportunidade ou por que nunca teve vontade mesmo? Bjs!

      Excluir
  3. Oi Carol,
    Terminei essa série esses dias e adorei!
    Gostei das coisas terem sido menos complicadas, justamente para manter as coisas mais juvenis mesmo! Acho que fez sentido!
    E vc chegou as ver os vídeos sobre essa série no canal da Meg Cabot no Youtube?! São super divertidos. Até coloquei o link na minha resenha! rs...
    Beijos
    Camis - Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camis! Levei em consideração o estilo da Meg, por que se fosse um livro mais adulto as coisas não podiam ter acabado daquele jeito kkkkk Verdade, estava assistindo no Leitora Compulsiva.
      Bjs!

      Excluir
  4. Ué não chamava fugitiva o terceiro livro?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso, em Inglês, o nome do livro é Runaway.

      Excluir

Olá leitor! Quero muito saber o que você do post!

-> Deixe nos comentários suas impressões, opiniões e expectativas. Só não vale contar algum spoiler sobre o livro, rs. Se quiser falar comigo e não quiser usar os comentários, você pode escrever para mim por meio do formulário de contato, clicando aqui.

Obrigada pela visita! :D


Blogger Template by Clairvo