30 de julho de 2014

Resenha Mago Mestre (livro dois) - Raymond E. Feist


Título: Mago Mestre | Autor: Raymond E. Feist | Nº páginas: 432 | Ano: 2014 | Editora: Saída de Emergência Brasil | Leia um trechoCompre: Livraria Cultura, ebook
Antes de ler o que eu achei de Mago Mestre, leia a resenha do primeiro volume da série: Mago Aprendiz aqui.

Mago Mestre é a continuação de Mago Aprendiz da saga fantástica do autor Raymond E. Feist, lançada aqui pela Saída de Emergência Brasil. Já se passaram três anos desde o início da guerra com a invasão dos Tsurani, e os personagens se encontram em situações bastante diferentes do começo da série. Pug, por exemplo, foi capturado e vive como escravo num acampamento inimigo, Tomas precisa lidar com um antigo poder mágico e perigoso, e Arutha, deve liderar e proteger sua terra e seu povo.

Primeiras frases
   O escravo agonizante gritava, caído. O dia estava quente demais. Os outros escravos continuavam se dedicando às suas tarefas, ignorando o som da melhor maneira possível. A vida no acampamento valia pouco e não era bom remoer o destino que tantos aguardavam. O moribundo tinha sido mordido por uma relli, uma criatura do pântano semelhante a uma cobra. O seu veneno era lento e doloroso; sem magia, não havia cura.
   De repente, fez-se silêncio. Pug levantou os olhos e viu um guarda tsurani limpando a espada. Sentiu uma mão no ombro. A voz de Laurie sussurou ao seu ouvido:
    - Parece que o nosso ilustre capataz ficou perturbado com a agonia de Toffston.
    Pug amarrou com firmeza um pedaço de corda ao redor da cintura.
    - Pelo menos, foi rápido. - Virou-se para o cantor alto e louro de Tyr-Sog, uma das cidades do Reino, e disse: - Fique atento. Esta é velha e pode estar podre. - Sem mais uma palavra, Pug subiu pelo tronco da ngaggi, uma árvore dos pântanos parecida com o abeto da qual os tsurani extraíam madeira e resina.

Continuo achando que a saga do Mago é uma boa opção para os leitores que gostam de fantasia. Como disse na resenha anterior, ela inclui elementos clássicos do gênero, como as diversas raças, objetos mágicos, batalhas (e magos, rs!) e, agora traz também conceitos que, geralmente, vemos mais em livros de ficção científica, como portais para outros mundos/tempos. A obra, já a primeira vista, mostra que tem um grande conteúdo e o segundo volume acrescenta ainda mais ao universo criado pelo autor. A leitura, confesso, é no início lenta pois o autor nos apresenta a um novo ambiente e todas as suas peculiaridades, o mundo de Kelewan.

Mas para não falar de mais e estragar as surpresas vamos falar dos personagens. A narrativa é em terceira e acompanha os principais personagens durante os acontecimentos e outros nomes, que não tiveram destaque antes, crescem em Mago Mestre, o que é muito bom já que muitos deles são interessantes. Levando em conta que anos se passam de um livro para o outro e que a história continuará no próximo volume, poderemos seguir acompanhando o seu desenvolvimento. É difícil colocar qual deles é o melhor, rs, mas gosto muito de Pug, Kulgan, Arutha, Tomas, Dolgan e, agora, fiquei curiosa para ver Anita ganhando espaço na série.

Dessa vez a história fica mais interessante já que Pug finalmente retoma seu estudo da magia - em outras circunstâncias, é claro - e consegue dar uma maior vazão aos seus poderes. Apesar disso, não vemos muito do seu treinamento para se tornar um mago poderoso... Já em relação a Tomas, é muito bacana ler sobre a sua relação com a poderosa antiga armadura que ele obtém no primeiro livro na mina dos anões e as consequências que isso traz a ele e a todos a sua volta, bem como as transformações que ela provoca no garoto. Outros que merecem destaque são Arutha, Martin do Arco, o trovador Laurie, o novo amigo de Pug, e, claro, Anita.

Há poucos dias eu ainda achava que Mago seria uma trilogia, porém o quarto volume já está para ser publicado pela Saída de Emergência Brasil, rs. Já estava aqui com vontade de ler o terceiro, imagina agora com essa novidade!

Compartilhe

  • Delicious

0 comentários:

Olá leitor! Quero muito saber o que você do post!

-> Deixe nos comentários suas impressões, opiniões e expectativas. Só não vale contar algum spoiler sobre o livro, rs. Se quiser falar comigo e não quiser usar os comentários, você pode escrever para mim por meio do formulário de contato, clicando aqui.

Obrigada pela visita! :D


Blogger Template by Clairvo