Resenha Habibi - Craig Thompson

13:09

Título: Habibi | Autor: Craig Thompson | Número de páginas: 672 | Ano: 2012 | Editora: Quadrinhos na Cia | leia um trecho 
Dodola era apenas uma menina quando foi vendida pelo pai a um escriba. Com ele aprendeu a ler e a escrever e, acompanhando o ofício do marido, que copiava manuscritos como o Corão e "As Mil e Uma Noites", conheceu as histórias que embalariam o sono e os sonhos do pequeno Zam, quem logo viria a conhecer.

Dodola é raptada por um grupo de comerciantes de escravos e num ato de coragem, para salvar Zam da morte, o reconhece como seu irmão e passa a cuidar dele. No surgir da primeira oportunidade, Dodola consegue escapar e leva consigo o bebê de apenas três anos e, juntos, os dois passam a viver num barco abandonado no meio do deserto.


Em meio a flashbacks e histórias contadas, vamos conhecendo o desenrolar da relação entre Dodola e Zam que, com o passar dos anos, se transforma em algo diferente. Na jornada de ambos, surgem personagens igualmente cativantes e imprescindíveis para compor a trama de Habibi.

Ler Habibi é fazer um mergulho na cultura árabe e na mitologia do islamismo. É se envolver numa história que, mesmo sendo muitas vezes dura e cruel, traz uma mensagem que envolve amor, esperança e renovação. A trama das duas personagens, Dodola e Cam/Zam, traz muito mais do que uma luta pela sobrevivência em meio a uma realidade inóspita e desigual, mas a busca incansável por liberdade.

Apesar de se passar num “universo” fictício, Habibi traz elementos da realidade que muitas pessoas, infelizmente, ainda vivem nos dias atuais. Um detalhe que ficou bem marcado para mim, durante a leitura, foi a violência que sofrem as mulheres, num ambiente onde, na maioria das vezes, não passam de mera mercadoria para os homens, sendo usadas para seu bel prazer e jogadas fora quando já não lhe servem mais. É cruel, e a situação é bem semelhante quando olhamos a realidade dos escravos.

O material é brilho para os olhos daqueles leitores que, assim como eu, adoraram a arte e desenho. As ilustrações, inspiradas nos arabescos da escrita árabe, além do romance "As Mil e Uma Noites" e a mitologia islâmica, são belíssimas e repletas de detalhes e significados simbólicos. É interessante constatar o trabalho do autor em juntar todos esses elementos (ilustração, símbolo e escrita) para contar a emocionante história das personagens de forma tão única. Eu diria, construindo uma atmosfera até mágica.

São tantos elementos que não é possível compreendê-los completamente com apenas uma leitura. É preciso um olhar mais atento, mais demorado para observar todos os detalhes presentes no belo traço e nas ilustrações de Habibi.

De acordo com Érico Assis - tradutor da obra e, também, colunista do blog da Companhia -, Craig Thompson começou a trabalhar em Habibi no ano de 2004, vindo a terminá-lo somente em 2010. Ele ainda conta, em seus posts “Como ler Habibi” (vale a pena ler parte 1 e parte 2), como foi a repercussão do lançamento da Graphic Novel nos EUA, dividindo a opinião dos críticos, além de trazer um pouco do processo de tradução.

“Cortante. Habibi é um enorme feito de pesquisa, cuidado e tinta preta, e um lembrete de que todos os ‘povos do livro’, apesar das diferenças, dividem um mosaico de histórias.” - Zadie Smith, Harper’s Magazine

Enfim, recomendadíssimo! Já aproveitei para colocar "Retalhos", outra obra do autor, na minha lista de desejados.


Outros posts legais

0 comentários

Olá leitor! Quero muito saber o que você do post!

-> Deixe nos comentários suas impressões, opiniões e expectativas. Só não vale contar algum spoiler sobre o livro, rs. Se quiser falar comigo e não quiser usar os comentários, você pode escrever para mim por meio do formulário de contato, clicando aqui.

Obrigada pela visita! :D


Leitores do Open

Nossa página no facebook

Cópia atribuida


Esta obra foi licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil. Se usar algum texto não esqueça de citar a fonte.


Translate here: Google-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to English