13 de outubro de 2016

Resenha Sou fã! E agora? - Frini Georgakopoulos

Título: Sou fã! E agora? | Autor: Frini Georgakopoulos | Editora: Seguinte | Número de Páginas: 160 | Ano: 2016
Sou fã! E agora? é um manual de sobrevivência interativo voltado para os fãs de livros, séries e filmes e dá dicas de como curtir ainda mais essas histórias que nos envolvem tanto, rs! Apesar de misturar os três assuntos, o livro é, notadamente, direcionado para o público de leitores que vem crescendo cada vez mais nos últimos tempos.

A autora e jornalista Frini Georgakopoulos aborda, de maneira leve e bastante divertida, assuntos bem bacanas relacionados à vida do leitor fã, como a questão do que define um título como YA, os temas que mais nos atraem em uma história, triângulos amorosos, ou a teoria dos dois gatinhos, a viagem proporcionada pela leitura, os conflitos, o ritmo e as mortes nem sempre bem aceitas na trama, e o perigoso e desnecessário preconceito com certos gêneros literários. Além disso, ela traz sobre trilha sonora para ler, dicas sobre como curtir a Bienal, fazer um cosplay bem legal, realizar um evento literário de sucesso, criar um canal para falar sobre livros e como funciona o universo das histórias criadas por fãs, as famosas fanfictions!

“Se o livro nos leva para Hogwarts ou para o outro lado da rua, não importa. O importante é a viagem e como voltamos diferentes dela.”
p.49

Como Sou fã! E agora? foi escrito de fã para fã, Frini relaciona os assuntos de cada capítulo com suas experiências pessoais. Se a forma engraçada com que ela fala sobre tudo isso já não fosse um ponto superpositivo para gostar da leitura, ainda há os espaços em que o leitor é convidado a participar, respondendo a algumas perguntas e listando suas escolhas no próprio livro. Como, por exemplo, "Conte aqui quais os destinos literários que você mais gostaria de conhecer ou que te marcaram mais" e o que vocês podem ver abaixo, “Liste tudo o que você 'odeia' em um livro”.


A autora trata no capítulo “Perdoe-me, matei um livro” um questionamento que sempre me faço como leitora, o da quantidade x qualidade na hora de ler. Ela comenta sobre como terminar um livro rápido de mais pode fazer tanto com que não percebamos algumas nuances, ou detalhes importantes da trama, como também não tenhamos uma experiência bacana com o livro. Vale a pena pensar sobre isso.

Outro assunto que merece atenção são as fanfictions! Sou suspeita para falar pois, há alguns anos, lia várias histórias escritas por fãs que foram baseadas em livros - e até me arrisquei a escrever algumas que, obviamente, não chegaram a ser devidamente desenvolvidas ou concluídas, rs - e curtia mesmo a experiência! Ler o capítulo em que a autora fala sobre elas me trouxe uma nostalgia gostosa daquela época e me deu vontade de acompanhar alguma novamente, e reitero a dica da Frini: não deixe de conhecer o curioso e diversificado mundo das fanfics. Qual leitor ai vai dizer que nunca leu uma fic de Harry Potter? Confesso aqui que depois de me apaixonar por aquelas voltadas ao romance de Rony e Herminone, me deixei levar muito fácil pelas Dramiones, haha. (Shippei muito, aiai).

Como não poderia faltar em um manual como esse, o último capítulo traz algumas indicações de leitura com vários livros que já apareceram aqui no blog, como as séries Harry Potter, Jogos Vorazes e Os Bridgertons, e títulos como Mentirosos, O Histórico Infame de Frankie-LandauBanks, e Como se livrar de um vampiro apaixonado.

Para os mais velhos, talvez não haja muitas informações novas, mas, os leitores mais novos, que estão ingressando em suas primeiras viagens pelo fantástico mundo literário e descobrindo como a leitura pode ser interessante, divertida e, simplesmente demais, devem curtir ainda mais Sou fã! E agora? .

"A cada obra, as páginas se assemelham mais e mais ao nosso dia a dia e isso é incrível! Não vivemos apenas um conflito e ter noção disso é como poder enxergar além das águas turvas. A literatura tem esse poder de jogar luz na realidade, de nos fazer entender como podemos nos tornar pessoas melhores. E também de simplesmente nos entreter com conflitos desafiadores."
p.64

   

Compartilhe

  • Delicious

0 comentários:

Olá leitor! Quero muito saber o que você do post!

-> Deixe nos comentários suas impressões, opiniões e expectativas. Só não vale contar algum spoiler sobre o livro, rs. Se quiser falar comigo e não quiser usar os comentários, você pode escrever para mim por meio do formulário de contato, clicando aqui.

Obrigada pela visita! :D


Blogger Template by Clairvo