8 de novembro de 2016

Resenha Essa Luz Tão Brilhante - Estelle Laure

Título: Essa Luz Tão Brilhante | Autor: Estelle Laure | Editora: Arqueiro | Número de Páginas: 208 | Ano: 2016 | Leia um trecho
Hoje é dia de resenha! O livro da vez é o romance de estreia da autora Estelle Laure e um dos  mais recentes lançamentos da Editora Arqueiro, Essa Luz Tão Brilhante.

Lucille tem 17 anos e a última coisa que ela achava que fosse acontecer era que um grave incidente tiraria seu pai de casa e a mãe, logo em seguida, sairia de férias sem data para voltar. Ela e a irmã mais nova Wren, estão por conta própria agora e Lucille precisa manter tudo em ordem para que nenhum dos vizinhos perceba a situação.

A sorte é que ela pode dividir esse segredo com a amiga Eden e o irmão gêmeo dela, Digby, e contar com os dois para ajudá-la nesse momento complicado. Apesar dele nunca ter demonstrado nenhum interesse por Lucille durante esses anos todos, a garota é apaixonada por Digby desde que eles se se conheceram e passaram a ser vizinhos, mas, algumas circunstâncias os deixam cada vez mais próximos.

Graças a uma nova amiga, Lucille passa a trabalhar num restaurante depois da escola e, ao voltar para casa, misteriosamente, percebe que alguém lhe comprou mantimentos e deixou a geladeira cheia. Mas quem faria isso sem se revelar e, mais importante, com qual motivo?

"Segredos não são nada bons. Acho que todo mundo tem um. Ou tem coisas que não quer revelar sobre si mesmo, por não estar pronto. Algumas coisas continuam especiais por mais tempo quando ficam guardadas com a gente, mas outras apodrecem quando a gente não pode falar."
p.183

A trama de Essa Luz Tão Brilhante não tem enrolações e é daquele tipo que vai direto ao ponto, focando, principalmente, nos conflitos por quais a protagonista está passando: o surto do pai e abandono pela mãe, e seus sentimentos contraditórios em relação a essas figuras que deveriam estar ali cuidando dela e da irmã; o aumento de sua responsabilidade por conta disso; o cuidado com Wren, a irmã de nove anos de idade; a mudança de planos para o futuro, já que ela precisa trabalhar para que elas consigam sobreviver, sem levantar suspeitas; o medo da situação toda ser descoberta e as duas serem separadas; e, além disso, sua paixão quase-incontrolável-e-improvável-de-se-realizar pelo irmão da melhor amiga.

Me surpreendi com a leitura porque, apesar do livro ter ao todo 199 páginas, a história é muito boa, dramática e envolvente! Melhor do que esperava, rs. E a narrativa em primeira pessoa, pelo ponto de vista de Lucille, é um aspecto importantíssimo para que o resultado final desse certo e não ficasse a sensação de que o livro é raso de mais. Os pensamentos de Lucille são extremamente sinceros e ela ainda tem um humor sarcástico que contrasta muito bem com todo o drama que está vivendo, e que a que a ajuda a passar pelas situações difíceis.

Assim que virei a última página da história e me deparei com os agradecimentos da autora fiquei pensando “como pode acabar justo agora?”. Apesar de algumas perguntas terem ficado sem resposta, a autora poderia ter a intenção de deixar que os leitores imaginassem o que aconteceria a partir dali. Para minha surpresa, na orelha do livro encontrei a informação de sequência de Essa Luz Tão Brilhante, “But Then I Came Back” ("Mas então/depois eu voltei", numa tradução livre), será lançada em breve! Mas, infelizmente não será bem uma continuação já que o livro contará a história de Eden, amiga de Lucille. Vale a pena avisar aos leitores que ainda não leramELTB para não procurarem a sinopse do novo livro já que ela conta um grande spoiler, rs.

Compartilhe

  • Delicious

0 comentários:

Olá leitor! Quero muito saber o que você do post!

-> Deixe nos comentários suas impressões, opiniões e expectativas. Só não vale contar algum spoiler sobre o livro, rs. Se quiser falar comigo e não quiser usar os comentários, você pode escrever para mim por meio do formulário de contato, clicando aqui.

Obrigada pela visita! :D


Blogger Template by Clairvo