25 de janeiro de 2017

Resenha O Trono Lobo Gris (Os Sete Reinos #3) - Cinda Williams Chima

Título: O Trono Lobo Gris (Os Sete Reinos #3) | Autor: Cinda Williams Chima | Editora: Suma de Letras| Num. de Páginas: 392 | Ano: 2015 | Leia um trecho
Oi pessoal, como vão? O livro de hoje é nada mais nada menos que o terceiro volume de uma das minhas séries de fantasia preferidas, escrita pela autora Cinda Williams Chima e lançada pela Suma de Letras, O Trono Lobo Gris.

Esta resenha não contém spoilers! Para não ficar sabendo sobre o enredo dos volumes anteriores, não leia a sinopse do livro.

Depois de dois livros – O Rei Demônio e A Rainha Exilada - ótimos e super envolventes, pensei que a história não poderia melhorar, mas, ainda bem, estava enganada! O Trono Lobo Gris é sensacional do começo ao fim, e essa foi a melhor palavra que encontrei para definir minha experiência de leitura. É um daqueles livros que a gente não tem o que tirar nem pôr para que a trama fique ainda mais interessante e não tem pontos negativos para apontar. E olha que sou uma leitora exigente! rs

Em O Trono Lobo Gris, Raisa'ana Marianna enfrenta perigos maiores do que nunca. Suas habilidades são testadas e, agora, ela precisa fazer de tudo para sobreviver a sua jornada e retornar ao Reino de Fells inteira. Se ela conseguir, ainda terá que lidar com as nuances dos jogos políticos ao assumir seu lugar de direito no trono.

Han Alister busca por Rebecca Morley, que desapareceu misteriosamente sem deixar pistas, ao mesmo tempo em que escolhe pelo que vale a pena lutar. Mas um reencontro inesperado, quando tudo parece perdido, revela um grande segredo que pode mudar todo o seu futuro.

Paro por aqui e deixo o mistério no ar para os leitores não perderem nenhuma das surpresas de O Trono Lobo Gris. Aliás, se você ainda não conhece a viciante série Os Sete Reinos, não perca tempo e corra para ler assim que puder!


Como já falei nas resenhas anteriores, o universo da série é rico e extremamente envolvente. É perceptível que cada informação foi cuidadosamente pensada e colocada ali com algum motivo e que a autora sabe muito bem aonde quer chegar. Pontos decisivos e vários conflitos são resolvidos nesse terceiro livro e outros se desenvolvem a partir deles, e o ritmo da narrativa de Chima é ótimo do início ao fim. 

Se A Rainha Exilada foi um livro voltado mais para Han, em O Trono Lobo Gris o foco está em Raisa. A personagem dá um salto e mostra o resultado de seu crescimento e preparação durante os livros anteriores. Apesar de ser princesa, Raisa está longe de fazer o estereótipo de menina frágil e influenciável, mesmo tendo apenas 17 anos. Ambos os personagens são bem maduros para a idade, o que se justifica, dadas as situações complicadas pelas quais passaram.

Agora, se você é daqueles leitores que não muda o seu shipp romântico durante a leitura de uma série (eu era assim... Até agora), te desafio a ler Os Sete Reinos e não ficar bem dividido em relação a esse tema, rs!

E por falar nisso, uma das características que me faz adorar a trama são os personagens! Em outros livros, acabo me perdendo quando existem muitos deles e tenho dificuldades para imaginá-los, mas aqui isso não acontece. Todos são bem construídos e alguns inesquecíveis (mesmo com seus vários nomes, rs), como Han, Raisa, Amon, Dançarino, Cat, Edon Byrne, Reid, Averill, Elena Cennestre, Willo, os Bayar, Corvo, Hanalea, o Rei Demônio e outros.

No terceiro volume há um encontro da maior parte dessas figuras, o que deixa tudo mais interessante, ainda mais porque os vários elementos do pano de fundo da história se entrelaçam com a trama principal, e conseguimos ver ainda mais pontos em comum entre passado e presente.

Enfim, vocês já perceberam que, simplesmente, amei O Trono Lobo Gris! Só posso dizer que é uma pena que sejam só quatro livros pois a série poderia muito bem ter uns sete! rs A autora está escrevendo uma outra série chamada Shattered Realms, que parece ter ligação com Os Sete Reinos, mas só terei coragem de ler a sinopse quando terminar o quarto volume, para não correr o risco de descobrir algo sobre o desfecho antes da hora.

Agora fico com a grande expectativa pelo volume que encerra a quadrilogia, A Coroa Escarlate, e, ao mesmo tempo, com aquele sentimento de não querer que a história acabe! Como é bom ler um livro assim, rs.


Compartilhe

  • Delicious

0 comentários:

Olá leitor! Quero muito saber o que você do post!

-> Deixe nos comentários suas impressões, opiniões e expectativas. Só não vale contar algum spoiler sobre o livro, rs. Se quiser falar comigo e não quiser usar os comentários, você pode escrever para mim por meio do formulário de contato, clicando aqui.

Obrigada pela visita! :D


Blogger Template by Clairvo